Afficher le menu
Information and comments (0)

Info:
Unfortunately no additional information has been added for this RP.

[RP] Batismo de Evaisto Próspero

Kalimetro
Está um belo dia na Capela de Portugal em Roma e os sinos começam a tocar, anunciando o batizado que se irá realizar.



O Padre de Leiria chega da sacristia e abeira-se do altar onde se prepara para iniciar o Batizado de Evaisto Próspero.
Evaisto
Evaisto Próspero, nervoso pelo seu baptismo que estaria quase a começar. Entra na famosa Capela de Portugal em Roma, mal entra benze-se e dirige-se para a sacristia, onde se encontra Padre de Leiria, dito Kalimetro.

- Bom dia Padre Kalimetro Disse Evaisto ao inclinar sua cabeça como sinal de respeito
Kalimetro
Logo avistou Evaisto que veio falar consigo. -Bom dia fiel Evaisto. Não te sintas nervoso, logo estarás comemorando com a medalha no peito.
Pascoal
A Capela Portuguesa em Roma já era um ambiente conhecido para Dom Pascoal. Estiverá ali por diversas vezes, mas hoje sua visita teria um cunho mais que especial. O Irmão Evaisto, iria ser baptizado por Dom Pedro Kalimetro.

A carruagem parou frente ao local, Pascoal se dirigiu até a entrada da capela, nota que o irmão conversa com o Padre na sacristia e vai até o encontro dos dois para saúda-los:

- Saudações Dom Pedro - pedindo a benção diz ao padre Kalimetro - É sempre um prazer revê-lo.

Olha para o irmão aparentemente nervoso e diz:

- Boas irmão! Fique calmo, Dom Pedro é o melhor Padre de toda Portugal e Algarves, quiçá de toda Roma também - dá um abraço cumprimentando o irmão - Sabe, Evaisto, foi Dom Pedro que me baptizou e depois me ordenou diácono, por isso digo que é o melhor.
vira-se para os dois com uma vênia e diz:

- Vou aproveitar que cheguei cedo meus caros, e vou me sentar logo na frente. Não quero atrapalhar as vossas preparações - se dirige até o primeiro banco para se sentar.
Kalimetro
Em seguida veio Dom Pascoal, esse senhor por ele era bem conhecido. Além de vizinho em Leiria, compartilhavam sempre ideias. Ficou feliz e sorriu ao ouvir as palavras de Dom Pascoal ao irmão Evaisto.

-É sempre um prazer revê-lo também, Saudações amigo!
Evaisto
Evaisto ao receber o abraço de seu irmão Pascoal, sentira melhor e mais calmo com as suas palavras.

- Obrigado por ter vindo irmão Pascoal! Disse Evaisto sorrindo calmamente para Pascoal
Palladio
O Cardeal chega à Capela e, após cumprimentar os presentes, senta-se num dos lugares vagos.
_________________
Sua Eminência D. Palladio Cardeal de Monforte | Cardeal-Inquisitor | Arcebispo de Évora
Gasppare
O Diácono, em passos curtos, calmamente chegava à Capela. Era um dia especial para ele, bem como à Evaisto, que dentro de alguns instantes, faria parte da Família de Jah.. Não mais como Criatura, mas como Filho, herdeiro.

Gasppare, tinha uma modesta moradia em Roma, não ficava longe da Basílica de São Titus, nem da Capela Lusófona, por isso, fazia-se desnecessário não ir andando.

Lá chegando, o Diácono cumprimentou os Presentes, realizou uma vénia ao Altar, e logo após, com uma reverência, pediu a Bênção do Primaz e sentou-se ao lado dele aguardando o início da Cerimónia.

_________________
Reverendo Gasppare Pio Viana - Diácono de Aveiro
Star89
Star já um pouco atrasada, apressa-se nas suas vestimentas para ficar deslumbrante como sempre para o batismo do seu afilhado, corre para a igreja e em silêncio entra em pezinhos de lã, reza o credo e senta -se no banco da frente cumprimentando os presentes com um sorriso.
Beatrix_algrave
Beatrix chega a igreja para assistir a cerimônia de batismo do senhor Evaisto, o seminarista.

Ela entrou discretamente, e sentou-se em um dos bancos vagos, temendo estar atrasada.
_________________
Kalimetro
Os convidados levantam-se.

O Reverendo Pedro Kalimetro chama então a atenção dos presentes.

-Caros fieis! Estamos hoje aqui reunidos para ministrar o sagrado sacramento do batismo de Evaisto Próspero. Com o sacramento do batismo o crente junta-se à grande família de Jah, tornando-se irmão dos demais fieis, no espírito da amizade aristotélica. Abandona o mundo meramente material e inicia a viagem para o mundo das Ideias, iluminado pelos ensinamentos de Aristóteles, e entreabrindo as portas do Paraíso, pelo poder da sua Fé.

O Padre Kalimetro chegou-se à Pia Baptismal e pede a Evaisto e a madrinha que fizessem o mesmo.

-Star Phillippa Mello deseja ser testemunha desta cerimônia, perante Jah, os profetas e os santos e juram pela sanidade desta pobre alma?

Code:
[rp][b]Sim, sou testemunha desta ovelha.[/b][/rp]
Star89
[rp]Sim, sou testemunha desta ovelha.[/rp]
Kalimetro
Então Pedro Kalimetro iniciou o sermão do Baptismo lendo um excerto da obra “Ética de Nicomaque”:


Quote:
A amizade é a coisa mais necessária para viver. Porque sem amigos, ninguém escolheria viver, mesmo tendo todos os outros bens. É na pobreza assim como na desgraça, os homens pensam que os amigos são o único refúgio. A amizade também é um auxílio para os jovens porque lhes guarda do erro; para os velhos, lhes afiança os cuidados e a ajuda que sua falta de actividade e fraqueza trazem consigo; e para aqueles que estão na sua idade culminante, lhes incentiva a professar acções nobres, porque se torna mais capaz para pensar e actuar.



-Que a palavra de Aristóteles te guie e a revelação te ilumine!

Code:
[b]Amén.[/b]
Evaisto
- Amén.
See the RP information
Copyright © JDWorks, Corbeaunoir & Elissa Ka | Update notes | Support us | 2008 - 2020
Special thanks to our amazing translators : Dunpeal (EN, PT), Eriti (IT), Azureus (FI)